Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Meu Mundo Jehovah

O Meu Mundo Jehovah

27
Mai17

Texto diário


Sarinha

Sábado, 27 de Maio 

 

Se um homem não souber presidir à sua própria família, como cuidará da congregação de Deus? — 1 Tim. 3:5.

Por palavras e ações, Jesus treinou seus discípulos para humildemente servirem as pessoas. (Luc. 22:27) Ele os ensinou a dar de si no serviço de Jeová e a colocar os interesses de outros à frente dos seus. Que dizer de você? Por meio de seu exemplo de abnegação, pode ensinar seus filhos a mesma lição. “Eu nunca fiquei enciumada por causa do tempo que meu marido, que é ancião, gastava com outros”, diz Debbie, que tem dois filhos. “Eu sabia que meu marido sempre daria atenção à nossa família quando precisássemos.” O marido dela, Pranas, acrescenta: “Quando cresceram, nossos filhos ficavam na expectativa para ajudar em assembleias e projetos teocráticos. Eles progrediram, fizeram amizades e sempre se sentiram acolhidos.” Hoje, a família toda serve a Jeová no ministério de tempo integral. Se você for humilde e abnegado, ensinará seus filhos a servir outros. 

25
Mai17

Texto diário


Sarinha

Quinta-feira, 25 de Maio

Todas as coisas escritas anteriormente foram escritas para a nossa instrução — Rom. 15:4.

Visualize as situações a seguir e veja como Elias mostrou total confiança em Jeová. Quando informou o rei Acabe que Jeová causaria uma seca, o profeta disse com convicção: “Tão certo como vive Jeová, . . . não haverá nem orvalho nem chuva . . . a não ser que eu ordene!” (1 Reis 17:1) Elias acreditava que Jeová supriria as necessidades dele e de outros durante a seca. (1 Reis 17:4, 5, 13, 14) Ele também tinha certeza de que Jeová podia ressuscitar uma criança. (1 Reis 17:21) Elias não tinha dúvidas de que Jeová enviaria fogo para queimar seu sacrifício no monte Carmelo. (1 Reis 18:24, 37) Quando chegou o tempo para Jeová acabar com a seca, antes mesmo de haver qualquer indício de chuva, Elias disse a Acabe: “Vá, coma e beba, pois já se ouve o barulho de uma chuva forte.” (1 Reis 18:41) Não concorda que esses relatos nos movem a examinar se temos uma fé tão forte assim?

24
Mai17

Texto diário


Sarinha

Os céus declaram a glória de Deus, eles proclamam o trabalho das suas mãos. — Sal. 19:1.

Hoje somos abençoados com muito conhecimento sobre as criações de Jeová e a realização do seu propósito. O mundo incentiva as pessoas a cursar ensino superior e a buscar cada vez mais educação. Mas a experiência mostra que empenhar-se por essas coisas em geral leva à perda da fé e do amor a Deus. A Bíblia, porém, nos incentiva não apenas a amar o conhecimento, mas também a adquirir sabedoria e entendimento. Isso significa aprender a usar o conhecimento de Deus para ajudar a nós mesmos e a outros. (Pro. 4:5-7) Deus “deseja que todo tipo de pessoas sejam salvas e venham a ter um conhecimento exato da verdade”. (1 Tim. 2:4) Mostramos nosso amor a Jeová por nos esforçar de coração a pregar as boas novas do Reino a todas as pessoas e a ajudá-las a entender o grandioso propósito de Deus para a humanidade. 

23
Mai17

Texto diário


Sarinha

Terça-feira, 23 de Maio 

Tomem posição contra [o Diabo], firmes na fé. — 1 Ped. 5:9.

Por palavras e ações, Jesus fortaleceu a fé dos discípulos. (Mar. 11:20-24) Devemos seguir o seu exemplo, pois ajudar outros a ter mais fé acaba fortalecendo a nossa própria fé. (Pro. 11:25) Ao pregar e ensinar, destaque provas de que Deus existe, de que ele se importa conosco e de que a Bíblia é a sua Palavra inspirada. Além disso, ajude os irmãos a aumentar sua fé. Se algum deles mostrar sinais de dúvida, talvez por começar a se queixar dos irmãos designados, não se afaste logo deles. Em vez disso, usando de tato, tente ajudá-los a tomar medidas para recuperar a fé. (Judas 22, 23) Se você está na escola e a teoria da evolução for considerada, defenda com coragem sua fé na criação — você talvez se surpreenda com o efeito que suas palavras podem ter em outros. Jeová ajuda todos nós a nos manter firmes na fé. (1 Ped. 5:10) Vale a pena todo esforço para fortalecer nossa fé, pois as recompensas de manter a fé são incomparáveis

22
Mai17

Texto diário


Sarinha

 

Segunda-feira, 22 de Maio 

 

Vocês são meus amigos, se fizerem o que lhes mando. — João 15:14. 

 

Ao escolher amigos achegados, Jesus era bem seletivo. Jesus escolheu esses amigos entre aqueles que o seguiam lealmente e serviam a Jeová de todo o coração. Você também escolhe como amigos aqueles que servem a Jeová sem reservas? Por que isso é importante? O calor de nossa fraternidade pode ajudar você a alcançar a madureza. Você talvez seja um jovem que está decidindo o que fazer da vida. Nesse caso, será muito sábio procurar a companhia de irmãos que têm bastante experiência em servir a Jeová e em contribuir para a união da congregação. Ao longo dos anos, eles talvez tenham passado por altos e baixos na vida e até enfrentado desafios para servir a Deus. Pessoas assim podem ajudar você a escolher o melhor modo de usar a vida. Estar na companhia calorosa e edificante de irmãos assim pode ajudá-lo a tomar decisões sábias e alcançar a madureza.

20
Mai17

Texto diário


Sarinha

Sábado, 20 de Maio

Continue na expectativa. — Hab. 2:3.

O profeta Habacuque foi designado para predizer a destruição de Jerusalém. Quando ele começou a profetizar, já fazia anos que a cidade estava sendo avisada de sua destruição. A situação havia chegado num ponto em que ‘os maus cercavam os justos e a justiça saía pervertida’. Por isso, não é de surpreender que Habacuque tenha perguntado: “Até quando, ó Jeová, clamarei por ajuda?” Jeová garantiu ao seu profeta que a predita destruição ‘não se atrasaria’. (Hab. 1:1-4) Imagine se Habacuque ficasse desanimado e pensasse: ‘Já faz anos que ouço falar da destruição de Jerusalém. E se ainda faltar muito tempo? Não parece realista continuar profetizando, como se a cidade estivesse para ser destruída de repente. Vou deixar essa tarefa para outros.’ Se Habacuque tivesse pensado assim, ele teria perdido sua posição favorável diante de Jeová — e provavelmente sua vida — na destruição de Jerusalém pelos babilônios.

19
Mai17

A ressurreição logo será realidade!


Sarinha

Pense em todas as pessoas que ama, todas as pessoas que passaram na sua vida e que a marcaram de um jeito que nunca mais vai esquecer... Mas infelizmente essas pessoas tiveram um fatídico acidente ou sofreram com uma doença terminal e já morreram. O seu coração está pesado e triste por ter perdido essas pessoas. Agora imagine-se num mundo novo onde todos serão jovens e ninguém ficará doente nem mesmo existirá a morte. Difícil de imaginar? Deixo então aqui dois vídeos que certamente irá ajudar. Beijinhos e resto de um bom dia ;-)

19
Mai17

Texto diário


Sarinha

Sexta feira, 19 de Maio 

Jeová está do meu lado; não terei medo. O que me pode fazer o homem? Jeová está do meu lado, como meu ajudador. — Sal. 118:6, 7.

 

Os humanos foram criados com a necessidade de amar e ser amados. Mas seria fácil acharmos que Jeová não nos ama mais quando passamos por imprevistos, decepções, doenças, problemas financeiros ou falta de resultados no ministério. Nesse caso, seria bom lembrarmos que somos valiosos para ele e que ele está ‘segurando nossa mão direita’ e nos ajudando. Ele nunca se esquecerá de nós se formos fiéis a ele. (Isa. 41:13; 49:15) Brigitte, que criou sozinha dois filhos após a morte do marido, diz: “Criar filhos no mundo de Satanás é um dos maiores desafios que existem, principalmente para alguém que não tem cônjuge. Mas tenho certeza do amor de Jeová. Passei por muito sofrimento, mas ele me guiou e nunca me deixou passar por problemas além do que eu podia suportar.” — 1 Cor. 10:13

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D